terça-feira, 15 de julho de 2014

Iogurtes Gregos no Mercado Brasileiro // Batalha Desbananando Rótulos

No post anterior desvendamos como é feito o verdadeiro iogurte grego e o porquê de sua consistência ser tão maravilhosa. Agora vamos ver como a indústria faz para imitar os amigos lá do Mediterrâneo.


Marcas Estrangeiras


Pesquisando marcas de iogurtes gregos fora do Brasil, a relação de ingredientes é muito interessante, lista bem pequenininha e assegurando a definição de iogurte que falamos na postagem anterior.

          Marca Fage



Os  ingredientes deste fat free sem sabor são: Grade A Pasteurized Skimmed Milk, Live Active Yogurt Cultures (L. Bulgaricus, S. Thermophilus, L. Acidophilus, Bifidus, L. Casei).  (Leite pasteurizado desnatado, probióticos e ponto final!)

Valores nutricionais: em um pote de 170g, temos: 100kcal, 7g de carboidrato, 18g de proteína e 0g de gordura.

Coisa mais perfeita! Usa só os ingredientes necessários, sem aquela lista imensa de aditivos! Sinal que dá sim para fazer produto industrializado sem um montão de porcarias. Sem contar a maravilha que é a quantidade de proteína contida nesse iogurte, que ótimo pós treino, ein?

Esta marca também tem a versão mais gordinha que não usa leite desnatado e ainda usa o “cream”, uma espécie de creme de leite bem líquido que os americanos adicionam ao café, geralmente.  A diferença vai ser no teor de gordura (de 0g para 10g) e nas calorias, obviamente (de 100kcal para 190kcal). Coincidentemente, antes do post ir ao ar uma leitora nossa nos relatou que já experimentou esse iogurte e AMOU, falou que é perfeito. Então é melhor você deixar anotado, para não esquecer de experimentar na próxima viagem.


Outra marca americana que me apaixonei também é a Stonyfield, que ganhou 5 estrelinhas no meu conceito, porque além de ter os pontos fortes do anterior é, também, orgânica!

Marcas Nacionais


O Desbananando selecionou alguns dos iogurtes gregos mais famosos vendidos aqui no Brasil  e resolveu analisá-los mais a fundo. Note que a tabela mostra os valores para uma porção de 100g de cada iogurte, para a análise poder ser igualada. Entretanto alguns potes têm mais de 100g, cuide isso.

Repare a tabela:



VALOR ENERGÉTICO: Se você procura um lanchinho de poucas calorias quem sai vitorioso neste quesito é o Vigor Grego Zero. E repare, quem ganha em calorias é a sua própria versão normal. Então cuide para não confundir (hehe).

CARBOIDRATOS:  O Nestlé Tradicional e o da Danone são os com maior teor de carboidratos, 17g para cada 100g de iogurte. Isto pode ser uma indicação de um maior teor de açúcares simples também, tome cuidado, pois nem sempre vem especificado na tabela. 

PROTEÍNAS: De novo o Vigor Zero sai na frente, pois apresenta 7g a cada 100g. Não muito atrás, com 6,2g tem o Batavo Grego (que é aquele que alega na embalagem "2x mais proteína" e mesmo assim não saiu campeão). Repara que o brasileiro com maior teor de proteína tem 7g e o estrangeiro Fage tem mais de 10,5g de proteína em 100g.

GORDURAS TOTAIS: o Vigor Zero é o único com 0g, daí o nome do produto. O Nestlé Light também tem pouca gordura: 1,4g.

GORDURAS SATURADAS: Note que a maior parte das gorduras nos gregos brasileiros é a saturada. E o Vigor Grego Tradicional é o com maior teor: 5,1g. 

CÁLCIO: Os dois da Vigor são os com maiores teores de Cálcio.

SÓDIO: Em geral, nenhum tem um valor muito absurdo de sódio em 100g. Entretanto o da Nestlé Tradicional com suas 94mg/100g merece uma atenção dos hipertensos ou demais que estejam precisando restringir sódio. 

         Ingredientes:

Agora vamos analisar os ingredientes. Pelo meu ponto de vista o que vai mesmo fazer a diferença na hora de escolher entre um produto e outro será a lista de ingredientes. Principalmente porque não da pra confiar 100% na tabela nutricional uma vez que as empresas não levam tão a sério e não sabemos se todas fazem a análise do produto. Mas os ingredientes, estes sim devem ser bem fiéis, uma vez que estão envolvidos com alergias e intolerâncias alimentares.


           NESTLÉ GREGO TRADICIONAL
Ingredientes: Leite reconstituído integral, xarope de açúcar e fermento lácteo. 

NESTLÉ LIGHT COM PEDAÇOS
Ingredientes Iogurte: leite reconstituído parcialmente desnatado, preparado de fruta (água, açúcar, amido modificado, suco de maçã, espessantes goma guar e goma xantana, acidulante ácido cítrico, conservador sorbato de potássio e edulcorante artificial sucralose), xarope de açúcar, proteína concentrada de leite, soro de leite em pó, fermento lácteo, estabizante gelatina e educorante artificial sucralose. 
Ingredientes Calda: água, framboesa, amido modificado, espessantes goma xantana, goma jatai e goma guar, corante natural carmim cochonilha, acidulante ácido cítrico, conservador sorbato de potássio, aromatizante e educorante artificial sucralose.

BATAVO GREGO
Ingredientes:  Leite parcialmente desnatado e/ou leite reconstituído parcialmente desnatado, preparado de mel [água, frutose, amido modificado, mel, mistura de espessantes e estabilizantes (maltodextrina, espessante carboximetilcelulose, estabilizantes goma xantana e goma guar) e conservante sorbato de potássio], leite em pó desnatado e fermentos lácteos.

DANONE GREGO
Ingredientes: leite integral e/ou leite integral reconstituído, açúcar, leite em pó desnatado, preparado de mel  (água, frutose, mel, amido modificado, aromatizantes, acidulante ácido cítrico, conservador sorbato de potássio e espessantes goma xantana e goma guar) frutose, amido modificado, fermento lácteo e estabilizante gelatina. 


VIGOR GREGO
Concentrado protéico de leite, leite desnatado e/ou leite desnatado reconstituído, creme de leite, açúcar líquido, amido modificado, fermento lácteo e estabilizante gelatina.

VIGOR GREGO ZERO
Leite desnatado e/ou leite desnatado reconstituído, concentrado protéico de leite, preparado de fruta (água, suco de maçã, amido modificado, acidulante ácido cítrico, conservador sorbato de potássio e espessantes goma xantana, goma guar e carboximetilcelulose sódica), amido modificado, fermento lácteo, estabilizante gelatina e edulcorantes artificiais sucralose e ciclamato de sódio.

Notou que NENHUM brasileiro tem uma lista curtíssima igual aos produtos estrangeiros? As nutricionistas choram no cantinho! (hehe). O único com a lista quase ideal é o Nestlé Tradicional, exceto pelo xarope de açúcar, que nada mais é que açúcar com água, formando um açúcar líquido. 

O Nestlé Tradicional está de parabéns pela pouca quantidade de aditivos, entretanto se você é diabético ou intolerante à glicose, muito cuidado. Lembra que na tabela vimos que este era um dos iogurtes com maior teor de carboidratos? Acho que está explicado de onde vem a maior parte.

Já o Nestlé Light tem a maior lista de ingredientes, é cheinho de aditivos... Ainda mais pela calda que o acompanha :( 
Notou que na lista tem soro do leite em pó?! Isso mesmo, a parte que originalmente é retirada do iogurte grego, cadê o grego nisso então!? 
Eles não usam a fórmula original, desta maneira precisam de ajudantes pra deixar o iogurte cremoso, eles são os espessantes!! Neste tem vários, não se contentaram com apenas um: goma xantana, goma guar, goma jataí e o amido modificado que também serve para aumentar a consistência.

Mas o Nestlé Light não esta sozinho nessa, todos os outros também utilizam de espessantes para chegar na consistência desejada, veja só:

Batavo: maltodextrina, carboximetilcelulose, goma xantana e goma guar.

Danone: goma xantana, goma guar, gelatina e amido modificado.

Vigor Tradicional: amido modificado e gelatina.

Vigor Zero: goma xantana, goma guar, carboximetilcelulose sódica, amido modificado e gelatina.

Preparado de Mel: esta mistura esta presente no Batavo Grego e no Danone Grego que basicamente mistura frutose, amido modificado, espessantes e mel em pouquíssima quantidade. O Desbananando não aprovou nadinha essa mistura, pois é rica em frutose. A frutose quando isolada e usada para adoçar acarreta em diversos malefícios à saúde. Assunto já tratado aqui no blog no post do Açúcar de Coco.

No Vigor Grego Zero e no Nestlé Light ao invés do preparado de mel temos um preparado de fruta, que ao menos não usa a frutose isolada, mas usa suco de maçã. Aí fica uma dúvida, pois não dizem os ingredientes do suco de maçã, se ele fosse purinho poderiam colocar suco de maçã integral, mas a probabilidade é baixa. Então, fica bem complicado de saber o percentual de maçã que contém e se ainda não tem açúcares ou até mesmo frutose adoçando este suco. Hun, informações subliminares da indústria.

Afinal, qual escolher?


O primeiro passo é olhar a lista de ingredientes, se a lista for pequena dê três pulinhos. Depois dê uma olhada nas informações nutricionais, dependendo de seus objetivos e patologias, as vezes consumir um ou dois aditivos não nocivos a mais por menos açúcar, gordura saturada ou sódio, vale a pena. Entretanto o Desbananando alerta que a melhor pessoa para lhe fazer as orientações personalizadas, de acordo com suas necessidades, e lhe ajudar a manter o equilíbrio é a nutricionista. Ta esperando o que para marcar uma consulta?

Se ainda ficou alguma dúvida ou você conhece outra marca brasileira de grego e gostaria de uma análise, escreve pra gente! 
Email: desbananandoteorias@gmail.com

Abraços,


Gi e Dé

Nenhum comentário:

Postar um comentário